info@mire.pt (+351) 911 910 398

SUSYsystem – Inovação na preparação de Soluções e Suspensões Orais

Muitas vezes acontece que as formas farmacêuticas disponíveis no circuito comercial não se adequam às necessidades específicas de um determinado paciente. Há pessoas que têm dificuldade em deglutir cápsulas ou comprimidos e existem situações em que as dosagens têm que ser ajustadas em função do peso ou do metabolismo do doente.

Esta realidade é frequente nos grupos mais vulneráveis como os doentes pediátricos, os idosos, as pessoas com deficiência ou transtornos neurológicos. Nestes casos o Farmacêutico é confrontado com a necessidade de preparar um medicamento manipulado, na forma de solução ou suspensão oral, que permita a administração da dosagem correta e minimize problemas metabólicos e efeitos secundários.

SUSYSystem

O SUSYsystem, desenvolvido em Portugal pela Ministério dos Remédios, constitui uma grande inovação que vem facilitar a tarefa dos Farmacêuticos. Trata-se de um conceito integrado que permite a elaboração de soluções e suspensões orais de forma rápida, económica e segura. SUSYsystem é composto por:

  1. Um Veículo Suspensor denominado SUmir
  2. Um Veículo Xarope denominado SYmir
  3. Uma Gama de Aromas denominada SUSYflavor

Tabela de compatibilidades

Os nossos dois veículos, SUmir e SYmir, foram desenhados para se complementarem e formarem uma base aquosa coloidal compatível com uma gama de mais de 100 substâncias activas.

Abrir tabela de compatibilidades

A sofisticada composição do Veículo Suspensor SUmir permite-lhe formar uma rede coloidal capaz de suspender eficazmente partículas medicamentosas, através da actividade sinérgica dos seus agentes suspensores e da estrutura matricial formada. O seu comportamento tixotrópico origina um sistema “gel-para-líquido” que se caracteriza pela diminuição transitória da viscosidade quando é submetido a uma força, como por exemplo, agitação do frasco. Esta alteração ocorre pelo rearranjo momentâneo das fibras de celulose na direcção do movimento. A consequente passagem para o estado líquido fluído facilita a homogeneização das partículas suspensas, proporciona uma dosagem mais correta e uma deglutição suave e agradável. Quando em repouso, regenera-se a rede tridimensional das fibras do SUmir e a viscosidade volta ao seu estado inicial, contribuindo para retardar a sedimentação das partículas.

Actuando de forma complementar ao Veículo Suspensor, o SYmir tem como principal função melhorar as características organoléticas das preparações, através do seu paladar doce, (mas sem açúcar), e da sua textura particular. SYmir contribui para mascarar, de forma bastante eficaz, o sabor desagradável da maioria dos fármacos.

Susyflavor

O terceiro elemento que compõe o SUSYsystem é um conjunto de aromas que permitem ao profissional de saúde personalizar o sabor do medicamento manipulado, de acordo com as preferências do paciente. A gama de aromas SUSYflavor tem sabores direccionados para a Pediatria, para a Geriatria e até para a Veterinária.

Aromas disponíveis para Pediatria: (Banana, Baunilha, Cereja, Chiclet, Chocolate, Marshmallow e Morango)

Aromas disponíveis para Veterinária: (Fígado, Peixe e Carne)

SUSYsystem é o mais elegante e sofisticado meio, ao dispor dos Farmacêuticos, para desenvolvimento de formulações com todas as garantias de segurança e de forma muito rápida e simples.

SUSY+SUmir+SYmir

Principais vantagens do conceito integrado SUSYsystem

  • Pronto a utilizar: Os veículos não necessitam de nenhuma preparação prévia.
  • Facilidade e rapidez de preparação: Elaboração de fórmulas muito rápida e fácil.
  • Prazo de validade alargado: Prazo de validade dos veículos superior a dois anos.
  • Baixo custo: Custo médio de preparação muito inferior a todas as outras opções.
  • Versatilidade: Os veículos podem ser utilizados em Neonatologia e Pediatria, em Geriatria e em Veterinária. São compatíveis com a utilização de sondas nasogástricas e adequados a pacientes internados em UCI.
  • Composição muito segura: Os veículos não contêm açúcar, álcool, parabenos, propilenoglicol ou glúten; sem adição de corantes e sem aromas incluídos.
  • Excelentes propriedades galénicas: O comportamento tixotrópico assegura uma perfeita homogeneização das partículas suspensas e o retardamento dos processos de sedimentação de partículas. As preparações não formam espuma, nem quando são agitadas antes da administração ao paciente.
  • Textura elegante: As fórmulas apresentam uma textura suave e não viscosa, agradável à deglutição.
  • Compatibilidade: O pH de 4.2 tamponado assegura a compatibilidade com mais de 100 substâncias ativas.
  • Fórmulas personalizáveis: O sabor final da fórmula pode ser personalizado através da adição de qualquer aroma da gama SUSYflavor.
  • Apoio científico: Pesquisa e certificação da compatibilidade de novas substâncias activas sempre que solicitado pelo Farmacêutico ou o Médico.
  • Fabrico certificado: Os veículos são produzidos em laboratórios certificados.

Perguntas frequentes

O que é o SUSYsystem?

O SUSYsystem® é um conceito inovador que integra vários produtos concebidos especificamente com o objetivo de simplificar a preparação de formas farmacêuticas líquidas orais possibilitando a sua personalização de acordo com as necessidades específicas dos doentes. SUSYsystem é composto por um veículo suspensor, o SUmir, um veículo xarope, o SYmir, e um sistema de aromatização denominado SUSYflavor. O efeito sinérgico dos componentes do SUSYsystem permite a preparação de soluções e suspensões orais com doses homogéneas, terapeuticamente activas e de grande elegância galénica.

Como funciona o SUSYsystem?

Os nossos dois veículos, SUmir e SYmir, foram desenhados para se complementarem e formarem uma base aquosa coloidal compatível com uma ampla gama de substâncias activas.

A sofisticada composição do Veículo Suspensor SUmir permite-lhe formar uma rede coloidal capaz de suspender eficazmente partículas medicamentosas, através da atividade sinérgica dos seus agentes suspensores e da estrutura matricial formada. O seu comportamento tixotrópicoorigina um sistema “gel-para-líquido” que se caracteriza pela diminuição transitória da viscosidade quando é submetido a uma força, como por exemplo, agitação do frasco. Esta alteração ocorre pelo rearranjo momentâneo das fibras de celulose na direção do movimento. A consequente passagem para o estado líquido fluído facilita a homogeneização das partículas suspensas, proporciona uma dosagem mais correta e uma deglutição suave e agradável. Quando em repouso, regenera-se a rede tridimensional das fibras do SUmir e a viscosidade volta ao seu estado inicial, contribuindo para retardar a sedimentação das partículas.

Actuando de forma complementar ao Veículo Suspensor, o SYmir tem como principal função melhorar as características organoléticas das preparações, através do seu paladar doce (mas sem açúcar) e da sua textura particular. SYmir contribui para mascarar, de forma bastante eficaz, o sabor desagradável da maioria dos fármacos.

O terceiro elemento que compõe o SUSYsystem é um conjunto de aromas que permitem ao profissional de saúde personalizar o sabor do medicamento manipulado, de acordo com as preferências do paciente. A gama de aromas SUSYflavor tem sabores direccionados para a Pediatria, para a Geriatria e até para a Veterinária.

SUSYsystem é o mais elegante e sofisticado meio, ao dispor dos Farmacêuticos, para desenvolvimento de formulações com todas as garantias de segurança e de forma muito rápida e simples.

Qual a composição dos veículos SUmir e SYmir?

A composição do SUmir inclui água purificada, goma xantana, carragenano, celulose microcristalina, carboximetilcelulose sódica, fosfato de sódio, ácido cítrico, benzoato de sódio, sorbato de potássio e dimeticone. O SYmir é composto por água purificada, glicerina, sorbitol, sacarina sódica, goma xantana, ácido cítrico, citrato de sódio, benzoato de sódio e sorbato de potássio.

É necessário efectuar alguma operação prévia antes de utilizar o SUmir e o SYmir?

Quer o SUmir, quer o SYmir estão prontos a ser utilizados não sendo necessário efectuar qualquer procedimento prévio.

Qual o protocolo que devo seguir para elaborar uma preparação com SUSYsystem?

Devemos começar por ter presente que os dois veículos foram estudados e testados para serem utilizados sempre na proporção de 50/50, ou seja, para uma preparação de 100ml devemos usar 50ml de SUmir e 50ml de SYmir, formando assim o veículo SUSY. De uma forma geral, a preparação de medicamentos manipulados utilizando o SUSYsystem segue o seguinte protocolo:

  1. Calcular a quantidade necessária do fármaco e dos restantes componentes por forma a obter a concentração desejada;
  2. Descondicionar a especialidade farmacêutica (p. ex. comprimidos ou cápsulas) ou utilizar a matéria-prima pura do fármaco. Triturar até obter um pó fino e homogéneo, utilizando um almofariz de porcelana.
  3. Numa proveta, de acordo com o volume final desejado, misturar o SUmir e o SYmir na proporção de 50/50 de modo a formar o veículo SUSY.
  4. Adicionar uma pequena quantidade de veículo SUSY ao almofariz e triturar de modo a humectar o pó e a formar uma pasta homogénea;
  5. Adicionar o restante veículo SUSY por diluição geométrica até atingir cerca de 2/3 do volume final;
  6. Transferir o conteúdo do almofariz para uma proveta rolhada, lavando-o repetidamente com o veículo SUSY;
  7. Adicionar a essência escolhida da gama de aromas SUSYflavor;
  8. Completar o volume com o restante veículo SUSY e homogeneizar;
  9. Acondicionar em recipiente apropriado e rotular.

Em que situações está indicada a utilização do SUSYsystem?

O SUSYsystem foi pensado e desenvolvido para as situações em que não existe no mercado uma especialidade farmacêutica adequada às necessidades de um determinado doente. Seja pela inexistência de um medicamento contendo o princípio activo, a concentração ou a forma farmacêutica desejados, ou pela presença de excipientes contraindicados, ou ainda por características organoléticas comprometedoras da aceitação por parte do doente. Embora, em teoria, qualquer doente possa usufruir de medicação personalizada, as situações em que o SUSYsystem se deve utilizar relacionam-se com os doentes neonatos e pediátricos, geriátricos, com disfagia ou sondas nasogástricas e na administração de fármacos em Medicina Veterinária.

O SUSYsystem é adequado a diabéticos?

Uma vez que os veículos de SUSYsystem não contém açúcares na sua composição, podem ser utilizados na preparação de formulações para diabéticos e pessoas obesas ou com restrições calóricas.

Os fármacos para Neonatologia podem ser preparados com o SUSYsystem?

Os veículos do SUSYsystem não contêm álcool, açúcar, corantes, aromas, glúten, parabenos ou propilenoglicol estando o seu uso recomendado Neonatologia.

O SUSYsystem utiliza dois veículos que se misturam. Porque são necessários dois?

A existência de dois veículos complementares, veículo suspensor (SUmir) e veículo edulcorante (SYmir), confere mais versatilidade ao sistema pois existem situações em que a utilização conjunta do SUmir e do SYmir pode não ser necessária ou até mesmo desaconselhada. Alguns exemplos:

  • Fórmulas para doentes entubados com sondas nasogástricas não necessitam de utilizar o veículo edulcorante, SYmir, uma vez que nesta circunstância as características organoléticas são irrelevantes para o paciente;
  • Fórmulas destinadas a neonatos poderão dispensar a utilização do veículo edulcorante, SYmir, já que nestes doentes não existe a necessidade de melhorar as características organoléticas.
  • Preparações que utilizem substâncias ativas altamente hidrossolúveis que resultam numa solução oral, não precisam de agentes suspensores, dispensando-se a utilização do SUmir;

A presença do sabor doce, conferido pelo SYmir, nas preparações para Veterinária, pode comprometer a adesão à terapêutica por parte de alguns animais nomeadamente de espécies exóticas.

Se o fármaco que pretendo veicular não constar na tabela de estabilidade posso utilizar na mesma o SUSYsystem?

A tabela de estabilidade elaborada pelo Ministério dos Remédios inclui mais de 100 substâncias activas e está em permanente actualização, à medida que vamos dispondo de dados resultantes de novos ensaios. No entanto, pode acontecer que o fármaco que pretende veicular não conste na tabela e, neste caso, deverá contactar a nossa empresa que lhe prestará as informações e recomendações necessárias relativas à preparação e estabilidade do fármaco em causa.

Qual o prazo de validade e que condições de armazenamento devo considerar para as formulações preparadas utilizando o o SUSYsystem?

A Ministério dos Remédios desenvolveu uma tabela de estabilidade recomendada para os fármacos veiculados com o SUSYsystem, a qual se encontra em permanente actualização à medida que vamos dispondo de dados resultantes de novos ensaios. Nesta tabela constam as recomendações para o prazo de validade a atribuir e as condições de conservação do medicamento preparado. É importante ter em consideração que a estabilidade de um medicamento manipulado pode ser condicionada por inúmeros factores, tais como, a origem do fármaco (descondicionamento de especialidades farmacêuticas de diferentes marcas comerciais), a sua concentração, a técnica de preparação e os equipamentos utilizados, eventuais contaminações e até a experiência do manipulador. Deste modo, a atribuição de uma data de validade ao produto final é sempre da responsabilidade do Farmacêutico. A tabela de estabilidade SUSYsystem por nós elaborada serve apenas de orientação, embora se baseie em ensaios de estabilidade das diversas bibliografias científicas disponíveis.

Alguns fármacos, como os inibidores da bomba de protões, o ácido fólico ou a furosemida necessitam de pH alcalino. Posso usar o SUSYsystem?

De facto, alguns fármacos como os inibidores da bomba de protões, o ácido fólico ou a furosemida, por exemplo, necessitam de um pH alcalino para se manterem estáveis. Nestes casos, a utilização do SUSYsystem continua a ser recomendável embora seja necessário alterar o pH da formulação para os valores pretendidos, através da adição de uma base, por exemplo, uma solução de bicarbonato de sódio ou uma solução de hidróxido de sódio.

Todas as substâncias activas podem ser veiculados pelo SUSYsystem?

O SUSYsystem pode ser utilizado para veicular qualquer fármaco hidrofílico ou hidrofóbico desde que seja estável em meio aquoso e em pH acídico. A Ministério dos Remédios desenvolveu uma tabela de estabilidade recomendada para os fármacos veiculados com o SUSYsystem, a qual se encontra em permanente actualização, à medida que vamos dispondo de dados resultantes de novos ensaios. O prazo de validade após a preparação, bem como as condições de conservação recomendadas na tabela, estão de acordo com a bibliografia científica para os ensaios de estabilidade baseados nas formulações para veículos da Farmacopeia Americana (U.S. Pharmacopeial Convention).

Existem restrições à utilização do SUSYsystem?

O SUSYsystem não deve ser usado em doentes com hipersensilidade a qualquer um dos componentes do SUmir, do SYmir ou dos aromas SUSYflavor. Da mesma forma, se o medicamento a preparar contiver um fármaco que seja instável em meio aquoso, não devem ser utilizados os veículos do SUSYsystem.

SUSYsystem pode ser usado em doentes com alergias ou intolerantes ao glúten?

Os veículos do SUSYsystem não contêm álcool, açúcar, corantes, aromas, glúten, parabenos ou propilenoglicol, o que minimiza os riscos de alergias ou intolerância.

O que significa dizer que o SUmir tem um comportamento tixotrópico?

O comportamento tixotrópico origina um sistema “gel-para-líquido” que se caracteriza pela diminuição transitória da viscosidade sempre que é aplicada uma força, como por exemplo, agitação do frasco. Esta alteração ocorre pelo rearranjo momentâneo das fibras de celulose na direcção do movimento. A consequente passagem para o estado líquido fluído facilita a homogeneização das partículas suspensas, proporciona uma dosagem mais correta e uma deglutição suave e agradável. Quando em repouso, regenera-se a rede tridimensional das fibras do SUmir e a viscosidade volta ao seu estado inicial, contribuindo para retardar a sedimentação das partículas.

Qual a cor e o aspecto de SUSY, ou seja, do resultado da mistura dos dois veículos?

SUSY, o resultado final da mistura de SUmir com SYmir, apresenta uma cor branca opaca que mascara eventuais partículas insolúveis conferindo, nestes casos, a aparência de uma suspensão mais homogénea. Isto é particularmente importante quando partimos do descondicionamento de especialidades farmacêuticas. A textura é suave e não viscosa, agradável à deglutição.

Quais são os aromas que estão disponíveis na gama SUSYflavor?

Actualmente a gama de aromas SUSYflavor inclui sabores destinados às crianças, aos adultos e também para Veterinária. Na gama de aromas humanos podemos encontrar morango, cereja, banana, baunilha, chocolate, chiclete e marshmallow. Já os aromas para animais incluem os sabores de peixe, fígado e carne.

A aromatização com SUSYflavor coloca em causa a estabilidade das formulações?

A personalização das características organoléticas dos medicamentos manipulados líquidos orais, utilizando diferentes aromas, é proposta em quase toda a bibliografia de manipulação farmacêutica, sem que seja tida em conta a composição qualitativa e quantitativa. Não está descrita na bibliografia qualquer incompatibilidade de aromas com substâncias activas utilizadas na manipulação farmacêutica, considerando-se assim estes produtos inertes desde que não alterem as características físico-químicas do produto inicial ou provoquem outras instabilidades visíveis, como a formação de precipitados. Não existe descrição legal nas farmacopeias europeias de qualquer aroma do ponto de vista farmacêutico. Os aromas SUSYflavor são aptos para uso alimentar e cumprem a legislação alimentar da UE. Não alteram a características iniciais dos veículos, considerando-se a sua ação inerte nas concentrações recomendadas do ponto de vista da estabilidade físico-química.

As formulações preparadas com SUSYsystem formam espuma quando agitadas?

A formação de espuma durante a preparação do medicamento manipulado, ou quando agitamos a suspensão no momento da administração, pode comprometer a concentração ou o volume que pretendemos administrar. Este problema é frequente, principalmente nos veículos à base de celuloses que são preparados de forma magistral. A formulação do SUmir foi pensada e desenhada para contornar este problema e por isso inclui um agente anti-espumante, o dimeticone.